Loja da franquia Castor Colchões modelo smart

Franquia Castor tem modelo sem taxas e com investimento a partir de R$ 30 mil

Durante a edição deste ano da ABF Franchising Expo, realizada em São Paulo entre os dias 26 e 29 de junho, a tradicional marca Castor Colchões apresentou se modelo de franquia mais acessível, sem taxa de franquia e com investimento inicial a partir de R$ 30 mil.

Com mais de 300 lojas em operação em todo o Brasil, a empresa está direcionando sua expansão para regiões específicas, mirando em um crescimento significativo nos anos de 2024 e 2025.

Modelo de franquia acessível e vantajoso

O destaque da Castor Colchões na feira é o seu modelo de franquia Smart, que não exige taxa inicial e requer um investimento de apenas R$ 30 mil, valor que já inclui estoque 100% consignado e suporte operacional 24 horas, fatores que reduzem consideravelmente os riscos para os novos franqueados e facilitam a gestão do negócio.

Outro fator que conta a favor do potencial de lucro dos franqueados do formato Smart é que a marca não cobra taxa de franquia, nem taxas mensais de royalties e propaganda e marketing.

A empresa oferece um modelo de negócios que evita a concorrência interna, separando os catálogos de produtos para lojas físicas e e-commerce, garantindo que cada canal de venda mantenha sua exclusividade e potencial de mercado.

Segmento de franquias de colchões

O mercado de colchões figura entre os nichos mais lucrativos no universo do franchising por diversos motivos que vão além da simples necessidade de um produto essencial.

Colchões são um item essencial para o bem-estar e a saúde, com uma demanda constante e recorrente. A vida útil de um colchão é de aproximadamente sete a dez anos, criando um ciclo de reposição contínuo no mercado.

As margens de lucro no setor de colchões são atraentes devido ao custo relativamente baixo de produção em comparação ao preço de venda. O segmento de colchões premium, que tem crescido, permite preços mais altos e margens ainda maiores, especialmente com produtos que incorporam novas tecnologias como espumas viscoelásticas, materiais hipoalergênicos e sistemas de ventilação.

Além dos fatores acima, Helio Silva, CEO da empresa, reforça que inovação e diferenciação são cruciais no setor de colchões.

“A Castor investe continuamente em pesquisa e desenvolvimento, criando produtos que aumentam o valor percebido e a disposição dos consumidores em pagar mais”, conta.

Expansão para regiões específicas

A Castor Colchões tem planos ambiciosos de expansão para os próximos dois anos, com foco em regiões específicas que apresentam grande potencial de crescimento.

As cidades do interior de São Paulo, como Campinas, Sorocaba, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, Jundiaí e Piracicaba, estão entre os principais alvos da empresa. Além disso, a marca também mira outras áreas promissoras como Pernambuco, Mato-Grosso, Minas Gerais, Goiás e a Região Sul do Brasil.

Essas regiões foram escolhidas com base em critérios como densidade populacional, desenvolvimento econômico local e demanda por produtos de qualidade.

“Estamos investindo em áreas onde identificamos um mercado consumidor diversificado e em crescimento. Acreditamos que essas cidades possuem todas as condições necessárias para o sucesso das nossas franquias”, explica Silva.

Investimento na franquia Castor Colchões

O modelo de franquia da Castor Colchões é atraente não apenas pelo baixo investimento inicial, mas também pelo potencial de retorno. As franquias da marca são projetadas para atender a uma demanda constante e recorrente e que não acompanha nenhuma sazonalidade.

Com suporte operacional integral e estratégias de marketing robustas, a Castor Colchões proporciona aos franqueados todas as ferramentas necessárias para alcançar o sucesso.

“Nossa meta é expandir nossa presença nacional, levando produtos de qualidade e conforto aos consumidores, ao mesmo tempo em que oferecemos oportunidades de negócios seguras e lucrativas para nossos franqueados”, finaliza o principal executivo da empresa.

A participação da Castor Colchões na ABF Franchising Expo destaca a marca como uma opção sólida e atrativa para empreendedores que buscam investir em um setor resiliente e em crescimento, sem ter que investir muito.

Segundo a empresa, no modelo Smart, o faturamento médio mensal por unidade é de R$ 100 mil, proporcionando um lucro médio mensal de 15% a 17%. O prazo de retorno previsto é de seis meses. A área da unidade deve ter um mínimo de 80m².

Últimas Notícias